Lyryca

Lyryca

Alternativo, Axé, Blues, Bossa Nova, Brega, Brega Funk, Country, Dark Metal, Emocore, Erudito, Experimental, Experimental, Folk, Forró, Gótico, Gospel, Grunge, Hard Rock, Heavy Metal, Hip Hop, House, Industrial, Instrumental, MPB, New Metal, Outro, Pagode, Paródia / Comédia, Pop, R&B, Reggae, Reggaeton, Rock, Rock Progressivo, Samba Rock, Soul, Swingueira, Tecnobrega, Trance, Trap    Marília - São Paulo

Lyryca, Indígena em retomada, Multiartivista, Psicóloga, Pesquisadora de língua e cultura japonesa, também integrante da Coletiva Graja Minas, do Grajaú, extremo Sul de São Paulo.
Registra em composições suas memórias, narrativas periféricas e desejo de transformação, na intenção do bem-viver e da destruição das invenções coloniais.
É agente da cultura Hip-Hop desde 2014 e nessa jornada, também idealizou e co-fundou alguns projetos como o Festival Expresso Hip-Hop e projeto O Não-Lugar, Retomadas Indígenas.



Email